Médicos residentes e associados à SBP podem concorrer a inscrição e passagem para o 20° Infectoped, em Salvador

Compartilhe



Uma boa notícia para os médicos que fazem residência em pediatria, especialmente os que planejam participar do 20º Congresso de Infectologia Pediátrica (Infectoped), em Salvador (BA). Numa ação inédita, a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), em parceria com o laboratório GSK, apoiará a participação de residentes adimplentes com a entidade. Os 40 sorteados terão direito à inscrição no evento, com direito ainda ao deslocamento entre o local de residência e o local do evento, assim como de hospedagem em hotel definido pelos organizadores, sendo restrito ao período do Congresso, de 14 a 17 de novembro.

O sorteio será realizado na próxima segunda-feira (15) e, caso ainda não seja sócio da SBP, ainda há tempo para fazer sua inscrição na entidade e concorrer. Essa é a única condição para estar no grupo de onde serão sorteados os nomes beneficiados. O 20º Infectoped ocorrerá entre 14 e 17 de novembro, no Bahia Othon Palace Hotel, situado em Ondina (Salvador), com o apoio da Sociedade Baiana de Pediatria (Sobape). O objetivo do Congresso é promover o debate sobre os desafios do século XXI para a infectologia pediátrica, como o retorno de diversas doenças infectocontagiosas.

Cerca de mil participantes são esperados pela Comissão Organizadora. Os interessados em se inscrever no 20º Congresso Brasileiro de Infectologia Pediátrica têm até 26 de outubro para realizar sua inscrição online com desconto, de acordo com a tabela vigente. A programação inclui atualização em antimicrobianos, o aumento da resistência bacteriana no Brasil e no mundo, além de um debate sobre os desafios da saúde pública no enfrentamento a arboviroses, que tiveram alta propagação no país com as epidemias de dengue, zika e chikungunya, principalmente na região Nordeste.

“O programa foi construído com cuidado e atenção, tendo sido elaborado preocupado em dar acesso aos participantes aos últimos avanços sobre os conhecimentos nesta área”, adianta a presidente da SBP, dra Luciana Rodrigues Silva. De acordo com a presidente do Congresso, dra. Lêda Lúcia Moraes Ferreira, as dificuldades enfrentadas pelo Brasil na área da saúde pública darão a tônica do encontro.

“Um desses problemas está relacionado à sífilis, cuja incidência tem crescido exponencialmente. Também serão abordados aspectos diagnósticos e de tratamento da sepse, HIV/Aids, caxumba e sarampo”, disse dra Lêda, que destaca, ainda, a abordagem de temas relevantes ao cenário brasileiro, como o desafio da tuberculose na criança; a prevenção e tratamento das diversas doenças infectocontagiosas; as mudanças no calendário vacinal; entre outros temas pertinentes.

Acesse o site e inscreva-se agora no 20° Infectoped

Clique aqui e confira a programação completa