Academia Mineira de Pediatria tem nova diretoria

Compartilhe



No último dia 21 de novembro aconteceu, no Centro de Treinamento da Sociedade Mineira de Pediatria, a eleição, por aclamação, e posse da nova diretoria da Academia Mineira de Pediatria. Ao final da Assembleia da Academia, os acadêmicos José Maria Penido, Luiz Megale e Marcos de Carvalho Vasconcellos, tomaram posse, respectivamente, como presidente, vice-presidente e secretário da instituição, que é apoio e fonte de consulta histórica da Sociedade Mineira de Pediatra (SMP). A presidente da SMP, Marisa Lages Ribeiro, estava presente na posse, representando toda a diretoria executiva da Sociedade.

Deixando a presidência da Academia depois de dois mandatos consecutivos, o acadêmico Paulo César Pinho Ribeiro lembrou as ações realizadas durante os últimos quatro anos. Ele destacou a gravação dos depoimentos em vídeo com os acadêmicos sobre a vida pessoal e profissional de cada um; o Fórum da Academia Brasileira de Pediatria, que aconteceu em Belo Horizonte em abril de 2019; e os Fóruns da Academia Mineira de Pediatria, que foram realizados no interior de Minas Gerais, fato inédito na instituição. A presidente da SMP, por sua vez, agradeceu a parceria, o dinamismo e a dedicação do acadêmico Paulo Pinho. “Aproveito para cumprimentar os novos diretores e desejar sucesso. A SMP está à disposição”, comentou Marisa.

Continuidade e crescimento

O novo presidente da Academia Mineira de Pediatria, o acadêmico José Maria Penido é pediatra com especialização em nefrologia pediátrica. É colaborador do Departamento de Pediatria da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e foi presidente da SMP no biênio 2000-2001. Em seu discurso, Penido lembrou a função primordial da Academia que é assessorar e aconselhar a Sociedade Mineira de Pediatria, ao mesmo tempo em que promove atividades que possam contribuir com a saúde das crianças e adolescentes de Minas Gerais e do Brasil.

“A equipe agora que assume, composta por mim e por dois expoentes da pediatria mineira, Luiz Megale e Marcos Vasconcellos, tem por desafio continuar esse trabalho substituindo o Dr. Paulo César Pinho, grande hebiatra que fez uma excelente gestão”, comentou Penido. Ele ainda acrescentou que a nova diretoria vai se empenhar ao máximo para que a Academia Mineira de Pediatria cresça ainda mais.