Live sobre Dermatoses mais comuns na infância foi sucesso na rede

Compartilhe

Primeiro evento virtual da SMP reuniu pediatras, dermatologistas, residentes e estudantes de Belo Horizonte e do interior

 

Antes mesmo da transmissão ao vivo no canal do YouTube da Sociedade Mineira de Pediatria (SMP) começar já era possível perceber a ansiedade dos expectadores no chat da plataforma. Colegas de profissão que não se encontram há mais de dois meses por causa do distanciamento social imposto pelas consequências da Pandemia da COVID-19 puderam se “abraçar”, mesmo que virtualmente. A noite da terça-feira (26/5), com a Live do Momento Científico: Conversando sobre Dermatoses mais Comuns na Infância, foi marcada como início de uma tendência que veio para ficar: os eventos realizados pela internet, neste momento, sem a presença de público.

A aula, proferida pela presidente do Departamento Científico de Dermatologia da SMP, Luciana Baptista Pereira, foi visualizada por aproximadamente 430 pessoas, sendo que esse número se manteve por quase toda transmissão. “Um número muito maior de pessoas do que alcançaríamos com as aulas presenciais, até porque temos um limite imposto pelos próprios espaços”, lembra a presidente da SMP, Marisa Lages Ribeiro, que moderou o Momento Científico.

O sucesso de público foi também de crítica, pois os participantes fizeram questão de registrar ao longo do evento online a excelência da aula. Muitos pediatras do interior agradeceram à SMP pela oportunidade de acompanhar, pela primeira vez, o Momento Científico, que até este momento era realizado somente presencialmente. Pelo chat ao vivo pode-se perceber a presença pediatras, dermatologistas, estudantes de medicina e outros profissionais da saúde da capital e de outras cidades de Minas Gerais.

Apresentação

A dermatologista e professora da Faculdade de Medicina da UFMG Luciana Baptista iniciou sua explanação agradecendo o convite da SMP e dizendo que é difícil apresentar as dermatoses mais comuns na infância, pois são muitas. “Portanto, escolhi algumas: dermatite de fraldas (eczemas), impetigo (infecção bacteriana), tinhas (micoses superficiais) e escabiose (ectoparasitoses)”, comentou. Com muitas imagens, a dermatologista apresentou em uma hora sua aula com explicações sobre as dermatoses, tratamentos farmacológicos e diagnósticos diferenciais, que seguida de uma série de perguntas e comentários.

“A gente percebe e é claro para todo mundo o seu conhecimento profundo sobre o que foi apresentado”, com essas palavras a presidente da SMP, Marisa Lages Ribeiro, agradeceu a presença de Luciana Baptista. A presidente aproveitou a oportunidade para lembrar a todos que esse deve ser o formato dos eventos da SMP daqui para frente e que já existem mais quatro Lives para serem realizadas: oftalmologia em pediatria, cirurgia pediátrica, esporte e exercício na infância e adolescência e ortopedia pediátrica.

A transmissão ao vivo foi finalizada por um comentário do pediatra Almir Xavier, de Conselheiro Lafaiete que resume o espírito da palestra e da Sociedade: “Termino dizendo como é bom ser membro da SMP, sempre nos ajudando na reciclagem. Obrigado a todos da diretoria!”.

CLIQUE AQUI para ver os slides da aula teórica sobre Dermatoses mais Frequentes em Pediatria